Abigraf vê com preocupação a entrada dos Correios no mercado de impressão de dados variáveis

Dia 20 de Março, o presidente da Associação Brasileira da Indústria Gráfica, Fabio Arruda Mortara, esteve em Brasília para expressar, junto ao Ministério da Comunicação, a preocupação da indústria gráfica com a entrada dos Correios no mercado de impressão de dados variáveis. Segundo informações veiculadas na mídia, até abril, a estatal deve concluir uma parceria com a Valid para a criação de uma terceira empresa prestadora de serviços de certificação digital, impressão descentralizada e emissão eletrônica de documentos, como boletos, faturas e extratos. Se aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a transação terá como alvo o atendimento a bancos, administradoras de cartões de crédito, concessionárias e outros grandes usuários de comunicação impressa com seus clientes.

O valor da transação continua desconhecido, mas sabe-se que os Correios teriam participação de 49% no novo negócio. “Esse modelo compete de modo direto com as gráficas e, ao verticalizar todo o processo produtivo e logístico, cria nítidas vantagens concorrenciais para a nova empresa, sem falar no ganho de escala, que vai gerar desequilíbrio e acirramento da concorrência no mercado gráfico, agravando as já severas condições que atravessamos”, alertou Mortara. Da reunião, participaram Luciana Pontes e Franklin Furtado, respectivamente subsecretária de Serviços Postais e subsecretário adjunto, além dos empresários Jair Leite, presidente da Abigraf-PR, e Ricardo Minguez, diretor do Grupo Empresarial de Envelopes da Abigraf-SP.

Notícias Semelhantes

Congresso Internacional de Celulose e Papel discutirá os novos caminhos da indústria