30 de junho de 2016

3º Seminário de Educação analisa as alternativas para o ensino

O 3º Seminário de Educação – Escolar Office Brasil – que acontece dias 9 e 10 de agosto no Pavilhão de Exposições do Anhembi, apresentará as tendências do ensino no País. O evento explora as grandes discussões sobre o assunto, que têm sido tratadas por diversos setores da sociedade.

De acordo com a ABIGRAF-SP e Francal – entidades realizadoras do evento – no momento, há uma grande reflexão sobre as atribuições da escola e sua operação. Desse modo, faz-se necessário repensar o verdadeiro papel da escola e o seu fazer, diante de uma sociedade que tem apenas como única certeza a mudança.

Além disso, a própria coletividade tem examinado o papel da escola e as maneiras para se preparar para as atuais demandas. Os temas do evento abrangem a integração da tecnologia na prática, a personalização do ensino e as competências para o século 21, indicando as tendências mais recentes na educação.

Os educadores interessados em participar do evento, já podem se inscrever, basta clicar aqui.

Noticias Relacionadas

27 de outubro de 2022

“O livro que nos une” – o encontro reúne editores, livreiros, distribuidores e gráficos conta com apoio do Sindigraf-sp e Abigraf-SP

O encontro realizado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL),  começou ontem (26), e reúne os mais importantes editores, livreiros, distribuidores e gráficos do país. A Abigraf-SP e o Sindigraf-SP são patrocinadores do evento.

Leia mais
27 de outubro de 2022

Analista do mercado reduzem estimativa de inflação em 2022

Os economistas do mercado financeiro reduziram de 5,71% para 5,62% a estimativa de inflação para este ano. Esta foi a 16ª queda seguida da estimativa para a inflação de 2022.

Leia mais
27 de outubro de 2022

Simples Nacional notifica empresas

Desde o dia 13 de setembro, o Comitê-Gestor do Simples Nacional encaminhou para as microempresas e empresas de pequeno porte notificações com relatório de pendências dos contribuintes junto à Receita Federal e à Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (débitos inscritos em dívida ativa) e com o Termo de Exclusão do Simples Nacional em caso de não regularização.

Leia mais